/pt/irma/521/projariumaexperienciadecomunicacaoconstrutoradapaz
PROJARI, uma experiência de comunicação construtora da paz | Congregação das Irmãs de São José de Chambéry | Comissões Internacionais
  • Comissões Internacionais

    24 de Jun, 2018

    PROJARI, uma experiência de comunicação construtora da paz


     A Associação Beneficente São José, entidade das Irmãs de São José, através do projeto PROJARI, desenvolvido há 31 anos na cidade de Guaíba-RS/Brasil, consolidou sua missão de “Vidas a serviço da vida em unidade na diversidade”, sendo “referência na formação integral do ser humano, no exercício da cidadania, na partilha dos saberes e no desenvolvimento das potencialidades”.

    Como estratégia de enfrentamento ao contexto atual de violência, o PROJARI requer de todos que participam dele a adoção de um estilo de vida não violento. Muitas pessoas agindo pacificamente irão desencadear um movimento de não-violência. Os envolvidos fazem o exercício diário de relações de ternura, ao invés de atitudes agressivas.

    Os educadores do PROJARI adotaram como regra compreender as reações dos participantes das 24 oficinas nas áreas de esportes, cultura, dança e inclusão produtiva. Toda a atividade técnica é precedida de uma rodada de diálogo, onde as problemáticas pessoais se evidenciam.

    Um dos aspectos importantes da atividade do PROJARI é a atenção a trajetória e história pessoal e de realidade familiar. Busca-se valorizar e promover o núcleo bom que há em cada ser humano. Na medida da valorização do positivo, a ação faz aflorar as potencialidades de cada ser humano.

    O lema do PROJARI é: "Somos importante e fazemos a diferença". Isto quer dizer, "porque fazemos a diferença, somos importantes". Este caminho metodológico configura as ações, tanto que está grifado na fachada do prédio a inscrição: "Vida e Paz nosso compromisso".
    Os dados dos órgãos de segurança são animadores. A Polícia Civil de Guaíba revela, que no Bairro Bom Fim onde está localizado o projeto e na cidade, diminuiu a incidência de assassinatos e casos de violência. Este foi o primeiro impacto social dessa metodologia de trabalho.

    Além das vivências internas, a entidade e os participantes interagem em atividades desenvolvidas na comunidade. Um dos exemplos é a participação na Campanha "Zero violência, 100% ternura".

    A comunicação criadora de um ambiente de paz e tolerância mostra sinais de sua efetividade, porque atitudes pacíficas acontecem em todo o ambiente social de intervenção e não apenas no espaço institucional.

    Elton Bozzetto, jornalista





    Compartilhe:

    Galeria de Imagens


    Envie seu comentário!

    *Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.
    Leia também:
  • 25 de Jun, 2019

    JPIC Brasil - Parar, Refletir, Analisar, Avaliar e Agir em favor de Vida Para Todos


                Vivemos em um momento de profundas mudanças sócio-políticos, econômicas, culturais e religiosas que exige de cada pessoa uma toma de posi... leia +
  • 12 de Jun, 2019

    Aprendendo a arte da comunicação


      A Comissão de Comunicação das Províncias da Índia (IPCC) organizou um programa de treinamento de três dias, em Asha Niketan, Bhopal, de 25 de maio ... leia +
  • 03 de Jun, 2019

    Partilhando sobre a Sessão Internacional de Formadoras


      Um dia de partilha, interação e discussões sobre a Sessão Internacional de Formadoras, foi realizada em 30 de maio de 2019 na Casa Provincial, em T... leia +
  • 27 de Mai, 2019

    Páscoa e Dia da Terra, duas festas celebradas juntas em Guaíba


      As Irmãs de São José da comunidade de Guaíba no Sul do Brasil, partilham como realizaram a celebração do Dia da Terra proposta pela Congregação. Ir... leia +
  • 22 de Mai, 2019

    Vida Intercultural - urgência e desafio


      Domingo, participei da Festa dos Povos realizada na Catedral de Roma, San Giovanni in Laterano. Este evento que reúne mais de 50 nacionalidades e d... leia +
  • 28 de Fev, 2019

    Irmãs de São José participam de sessões na ONU


      A Comissão de Desenvolvimento Social da ONU realizou de 11 a 15 de fevereiro de 2019 o 57° período de sessões com o tema: “Enfrentar as desig... leia +
  • 19 de Jan, 2019

    Encontro JPIC das Províncias Indianas


      Nos dias 12 e 13 de janeiro, vinte e oito membros da JPIC (Justiça, Paz e Integridade da Criação) das quatro províncias indianas se reuniram em Sne... leia +
  • 11 de Nov, 2018

    Dois de outubro: Dia internacional da Não-violência


     A Comissão Internacional de Justiça, Paz e Integridade da Criação elaborou um roteiro de oração dedicado à Não-violência, convidando toda a Congreg... leia +
  • 05 de Out, 2018

    Trabalhadores Migrantes: Uma Experiência Ásia-Pacífico


    A recente Conferência Regional sobre Trabalhadores Migrantes com realidades asiáticas foi a terceira na série de reuniões que trataram das questões ... leia +
  • 19 de Ago, 2018

    Declaração como Corpo Congregacional sobre a Nicaragua


      Condenar a violência em curso na Nicarágua Solidariedade e Desejos de Paz na Nicarágua. Nos últimos meses o povo da Nicarágua tem sido ví... leia +