• Notícias Gerais

    06 de Out, 2018

    Ir. Sally Marie Hodgdon, Vice-Presidente da UISG - Auditora



    Reflexões:

    Santo Padre, irmãos cardeais e bispos e irmãos e irmãs, 
    “estejam unidos em suas convicções e unidos em seu amor, com um propósito comum…” são as palavras de São Paulo em sua mensagem encorajadora e desafiadora aos primeiros cristãos Filipenses e as palavras da Primeira Leitura das Escrituras para nossa missa de abertura ontem.

    Estamos todos aqui por causa desse amor comum por Jesus Cristo, que nos chama a uma vida em comum, enraizada nos valores do Evangelho e centrada em torno de nosso único propósito de ajudar os outros a experimentar e viver plenamente o amor pessoal de Deus.

    Como representante da UISG e religiosas em todo o mundo, encorajo a todos nós a deixar qualquer coisa que seja um bloqueio ao movimento deste Espírito de construir essa vida e amor juntos. Nós viemos como uma comunidade sinodal, uma comunidade cujo foco é escutar de forma diferente os jovens, escutar com a graça de uma abertura maior do que jamais tem sido oferecida anteriormente. Nossos fundadores e fundadoras eram mulheres e homens que assumiam riscos, que escutavam de forma diferente a realidade deles e as necessidades das pessoas e agora é a nossa vez de fazer o mesmo.

    Estamos aqui para oferecer-nos como companheiros, para acompanhar os jovens a tornarem-se conscientes de suas esperanças e sonhos e discernir um modo particular de viver o amor de Deus em sua realidade atual. Somos convidados a arriscar a criação de novos espaços para os jovens, espaços onde suas vozes são ouvidas e onde eles podem experimentar livremente e com segurança a melhor maneira de expressar seus anseios e expressar o que estão procurando.

    Devemos encorajar nossa juventude, permitindo que eles ajudem a recriar a Igreja de Jesus; projetar o que é uma igreja acolhedora e aberta e que se pareça com a de hoje, uma comunidade de Igreja onde não há competição, mas sim uma partilha de dons de mulheres e homens em todos os níveis; uma Igreja que acolhe a diversidade de culturas, de oração e maneiras variadas de viver como membros comprometidos.

    Estamos dispostos a ouvir e respeitar suas perguntas... deixar que façam suas perguntas ... ajudar a explorar suas perguntas? Eles nem sempre estão buscando respostas, mas podemos acolher seus questionamentos. Nós também temos questionamentos com os quais precisamos conviver. Podemos convidar os jovens a caminhar conosco nessas questões? Podemos permitir que nosso amor comum por Jesus seja o espaço em que todos nos encontramos e crescemos?

    Nossa Igreja e a Sociedade estão caminhando em uma nova jornada, uma jornada difícil e com muitas crises, uma jornada que tem novas oportunidades e possibilidades. Sim, nossa Igreja tirou a inocência de muitos jovens e agora estamos tentando nos arrepender e devolver ... mas para uma geração de quem a inocência foi despojada de uma maneira diferente, despojada pela não aceitação, fazendo a juventude se sentir invisível, e oferecendo-lhes alguns modelos que não tinham integridade, transparência e autêntica vida evangélica.

    Para escutar de forma diferente, devemos estar dispostos a ser transparentes, a sermos vulneráveis diante da juventude de hoje e a caminhar ao lado deles. Podemos compartilhar nossa paixão de maneiras que estimulem as centelhas da vida dentro deles, mas não os dominem nem os julguem?

    Estamos abertos a expandir o círculo paroquial de liderança para incluir mais jovens com a liberdade de liderar de maneira diferente? Estamos abertos a termos Conselhos de Juventude em todas as dioceses? Podemos estabelecer um Conselho Internacional da Juventude para explorar necessidades e ideias e compartilhá-las em um nível global com o Vaticano, com as Conferências de Bispos e Superiores Maiores? Será que vamos criar mais espaço para capacitar Irmãs, Irmãos, e diretores espirituais leigos para acompanhar a juventude em nossos espaços educacionais, em nossas paróquias e outros lugares?

    Este é um momento para os jovens compartilharem liderança conosco, para os jovens serem co-criadores e para desafiar todo o povo de Deus a viver mais plenamente nosso propósito comum de revelar o amor de Deus. Podemos estar abertos e caminhar neste caminho com eles?
    Irmã Sally




    Compartilhe:


    Envie seu comentário!

    *Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.
    Leia também:
  • 22 de Mai, 2019

    Missão em Pilzen, República Tcheca, comemora a conclusão de seu trabalho missionário


      No sábado, 18 de maio de 2019, a Igreja de Pilzen, República Tcheca, reuniu-se para celebrar e agradecer às Irmãs Gisela Heitz e Jaya Mathew pelos ... leia +
  • 29 de Abr, 2019

    Noviças haitianas


    Em fevereiro deste ano duas jovens haitianas: Djhoulise Métellus e Yolecie Auguste (da Congregação de São José Vallier) celebraram a entrada para a... leia +
  • 28 de Abr, 2019

    Gestão Contemporânea


      Gestão é uma atividade comum a todos os seres humanos que estejam com um funcionamento suficiente de suas faculdades mentais, psicológicas e emocio... leia +
  • 19 de Abr, 2019

    Aleluia! Este é o dia em que Javé agiu: exultemo-nos e alegremo-nos com ele. (Sl 118)


      Queridas Irmãs, Leigos e Leigas, Amigos e amigas, Bênção Pascais a cada um e a cada uma de vocês! Nós olhamos para um túmulo vazio, um que er... leia +
  • 18 de Abr, 2019

    Formadas por Jesus para dar pés aos sonhos


     Irmãs de São José de Chambery, oriundas de diversas partes do mundo, participaram  da Sessão Internacional para Formadoras dos dias 1 a 14 de abril... leia +
  • 27 de Mar, 2019

    Chamada, escolhida e enviada em missão ...


       A vinda de jovens indianas à França para responder ao chamado à vida religiosa, envolveu toda a nossa congregação. Portanto, é justo que toda a co... leia +
  • 17 de Mar, 2019

    Memória dos meus 16.425 dias seguindo Jesus Cristo. Port/Esp


    Madina Moroña Suárez. Nacida en San Joaquín el 10 de mayo de 1973 – Profesión de los Primeros votos: 27 de febrero de 1994 Eu tenho a idad... leia +
  • 17 de Mar, 2019

    Festa de São José


       Março de 2019 Queridas Irmãs, Leigos e Leigas do Pequeno Projeto e amigos/as, “… depois de ter pensado nisso, apareceu-lhe um an... leia +
  • 07 de Mar, 2019

    8 de março, DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES


    Queridas Irmãs, Leigas e Leigos do Pequeno Projeto e Amigos, O caminho para o reconhecimento da dignidade e dos direitos das mulheres é talvez a ma... leia +
  • 28 de Fev, 2019

    Irmã Sally e o encontro no Vaticano sobre a Proteção de Menores na Igreja


     Queridas Irmãs, Obrigada pelas orações pelo encontro sobre a Proteção de Menores na Igreja realizado no Vaticano. Como vocês sabem, esta é uma sit... leia +