• Conselho Geral

    28 de Jul, 2017

    Irmã Paulina Bongiono


     Ir. Paulina Bongiono,  86 anos de  vida e  60 anos de trabalho,  dedicação,  amor  e presença   no Hospital   Psiquiátrico  São Pedro em  Porto Alegre. Era chamada de Anjo da Esperança, pois, aprendeu a conviver com a loucura sem preconceitos.
     
    Quando andava incansavelmente pelos corredores, enfermarias, recantos do Hospital, sabia o nome e a história de cada paciente, que carinhosamente cuidava. Os doentes graves, agudos ou crônicos ela atendia com amor. Em seu testemunho Ir. Paulina diz que entende que por atrás de toda a dor que a doença mental acarreta, existe um ser humano ávido de afeto e compreensão. Ela conheceu muito bem os labirintos da psique e as nuances da pessoa humana. Quando passava pelos doente e funcionários era tida como um “balsamo” que alivia os corações dos necessitados.
     
    Sempre foi muito competente e dinâmica. Ir. Paulina é reconhecida e agradecida, pela força da Fé e da Esperança, algo que é como marca registrada no seu jeito de Ser. Ainda hoje, com 86 anos continua a realizar periodicamente visitas aos doentes e funcionários do Hospital São Pedro onde permanece sendo vista como um Anjo da Esperança. 
     
    Ela recebeu uma homenagem da Secretaria da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul e Assessoria de Comunicação Social, pelo seu trabalho e dedicação durante 60 anos no Hospital Psiquiátrico São Pedro.  Assim Ir.  Paulina se expressa:  Hoje sinto-me realizada em cuidar dos mais pobres entre os pobres porque Jesus disse: "Tudo o que fizeres ao menor dos meus é a mim que o fazeis”.
     




    Compartilhe:


    Envie seu comentário!

    *Campos marcados com  barra são de preenchimento obrigatório.